Peugeot entra no segmento das picapes de 1 tonelada. Landtrek virá ao Brasil

Peugeot
0 522

O que era dado como certo nos bastidores agora ganhou confirmação oficial. De olho em mercados emergentes nos quais as picapes médias de uma tonelada de carga têm boa participação nas vendas, a Peugeot é mais uma montadora a apostar no segmento. Se a Mercedes tentou e acabou desistindo, com sua Classe X (sobre a base da Nissan Frontier), a casa do leão foi buscar na China – como várias outras montadoras vêm fazendo com seus modelos -, o conjunto mecânico de sua Landtrek. Trata-se da Changan Kaicene F70, desenvolvida em parceria com os franceses. Que, diga-se de passagem, vem sendo elogiada nos mercados asiáticos em que já é oferecida.

A Landtrek tem 5,33 m de comprimento e 1,92 m de largura. E se mostra bem equipada para brigar num dos segmentos mais acirrados em países como Brasil e Argentina. O interior traz inspiração nos SUVs 2008/3008/5008, com comandos no estilo ‘tecla de piano’; sistema multimídia com tela de 10 polegadas e volante com a parte inferior achatada. O exterior traz como principal diferencial (em relação à F70) a grade dianteira com visual semelhante ao dos usuários esportivos franceses. As linhas são harmoniosas e com alguma personalidade, o que é difícil em um tipo de veículo para o qual é difícil inventar muitas novidades.

A picape será lançada primeiro no México, no primeiro semestre, sendo oferecida em seguida no Equador, Peru, Guatemala, Panamá, Paraguai, República Dominicana e Uruguai. É neste último que ela será montada para atender também Brasil, Argentina e Chile, que vão recebê-la a partir do ano que vem. A motorização prevista é uma turbodiesel 2.0 de 180cv.

 

 

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais